Rede de Proteção de Jornalistas e Comunicadores

Jornalista da CNN de Portugal é hostilizado por bolsonaristas no Rio de Janeiro

A agressão ocorreu durante uma transmissão ao vivo, onde o jornalista anunciou o resultado do segundo turno das eleições

Por: Isabela Alves

O repórter Pedro Bello Moraes, da CNN de Portugal, foi hostilizado em uma movimentação com apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL).

A agressão ocorreu durante uma transmissão ao vivo, onde o jornalista anunciou a derrota do atual presidente Jair Bolsonaro (PL) para Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições. 

Muito agitados, os apoiadores começaram a falar sobre democracia e que o presidente eleito nem deveria estar concorrendo ao cargo de presidente, pois segundo a visão deles, ele era um “condenado”. 

O jornalista argumentou que a maioria do povo escolheu o seu vencedor e que isso deveria ser respeitado, mas a fala inflamou ainda mais os bolsonaristas que afirmaram que a situação era culpa da imprensa. 

Moraes ainda tentou dialogar e falar que não fazia parte da imprensa brasileira, mas com os xingamentos, decidiu encerrar a transmissão e saiu do local. O vídeo do ataque viralizou nas redes sociais e causou revolta em muitos usuários. 

https://www.youtube.com/watch?v=o0WajXsy8E4


Fonte: Folha de São Paulo e UOL

Imagem: Reprodução Redes Sociais

Skip to content